Garoto estava com objeto no corpo há cerca de 40 dias. Jovem apitava sempre que tossia.

Mas que papelão hein? (Clique aqui e continue lendo)

O adolescente Carlos Alves da Silva, que engoliu acidentalmente um apito, passou por um procedimento em Salvador para a retirada do objeto nesta quinta-feira (18). O garoto, de 15 anos, estava com o objeto no corpo há 40 dias.

“Eu estava com o apito na boca, brincando, e de repente puxei e engoli. Aquilo me incomodava muito e me fazia tossir toda hora. Toda vez que eu tossia, ele apitava. Quando eu respirava, dava uma sensação estranha”, afirmou o jovem ao G1. “Eu não cheguei a sentir dor, mas agora estou aliviado. A sensação é bem melhor. Só penso em ir para casa agora.”

O rapaz vive com a família em Coaraci (BA). Ele chegou a Salvador na manhã desta quinta-feira, já com todos os exames prontos, somente para realizar o procedimento.

A irmã do adolescente, Maria Zélia de Jesus Silva, afirmou ao G1 que o jovem passou por uma broncoscopia. “Ainda bem que não precisou fazer nenhum corte para tirar o apito. Assim, ele se recupera mais rápido. Estamos felizes porque correu tudo bem e foi mais simples do que a gente achava. Assim que ele receber alta, nós vamos embora.”

A Secretaria da Saúde da Bahia informou que o rapaz deve ter alta ainda nesta quinta-feira.

Mas que falta do que fazer hein? Achei la no G1

Deixe o seu comentário sobre o post:

osprofanos