Busca por: Zen Pencils

menos e mais

[Zen Pencils] Menos é Mais

Zen Pencils  •  6/jul/2020

Quem nunca ouviu falar na famosa filosofia Menos é Mais? Retire da sua alma tudo o que for Ego e Desejo e você finalmente encontrará o que está procurando.

Na companhia de um bom livro 2

[Tirinha Zen Pencils] Na companhia de um bom livro

Zen Pencils  •  22/jun/2020

A escrita deve ser a maior das invenções humanas pois une pessoas que nunca se conheceram e faz que autores de outros milênios conversem diretamente conosco

A jornada para itaca 2 1

[Zen Pencils] A jornada para Ítaca

Zen Pencils  •  15/jun/2020

Conheça o poema "Ithaka" de Constantine P. Cavafy, ilustrado pelo Zen Pencils que mostra que o que importa é a jornada, não o destino.

Os medos sao tigres de papel thumb

[Tirinha Zen Pencils] Os medos são tigres de papel

Zen Pencils  •  1/jun/2020

Veja a tirinha Zen Pencils mostrando que a coisa mais difícil é a decisão do ato, o resto é mera persistência. Os medos são tigres de papel.

Entre montanhas e vales 2

[Zen Pencils] Entre Montanhas e Vales III

Zen Pencils  •  18/Maio/2020

Nossa força não está em nossos desafios, eles só nos servem para inspiração. Nós não nascemos para montanhas, nós nascemos para os vales.

life is a game

[Zen Pencils] A vida é um jogo

Zen Pencils  •  4/Maio/2020

A vida é um eterno jogo e você é o principal jogador dessa arena. Como você está jogando esse jogo? Confira a tirinha Zen Pencils da semana!

persistencia1

[Zen Pencils] Persistência

Zen Pencils  •  27/abr/2020

Veja mais uma tirinha dos quadrinhos Zen Pencils: Persistência. Mostrando que se você deseja superar os desafios dessa vida, precisa ser persistente!

Tente Fracasse

[Zen Pencils] Tente. Fracasse.

Zen Pencils  •  20/abr/2020

Não importa quantas vezes você venha a fracassar. O importante é sempre tentar e aprender com nosso erro, e fracassar, cada vez melhor!

Dalai Lama

[Tirinha Zen Pencils] O eterno conflito do ser humano

Zen Pencils  •  13/abr/2020

Perguntaram para o Dalai Lama o que o mais surpreendia no ser humano, o budista respondeu que era o próprio homem, e justificou com alguns pontos.