De quem é o bagulho?

“Nessa bumba eu não ando mais, acharam um bagulho no banco de trás” (Repita isso sem parar)

Deixe o seu comentário sobre o post:

osprofanos