Princesas da Disney como se fossem meu pau de óculos

Entretenimento

O século passado foi “um pouco” sexistas e era difícil produzir obras que não fossem apenas voltada para um único gênero. Tirando desenhos que só vieram depois dos anos 90, como Aladin, Peter Pan, Robin Hood e Hércules, as outras histórias eram voltadas para um mundo feminino, mostrando romances de um mundo perfeito, cheios de cantigas, flores e animais felizes.

Cresci assistindo os desenhos da Disney. Lembro que havia uma área na prateleira separada só para os títulos dos príncipes e princesas dos contos de fadas. Por sorte a pilha de VHS poderiam ser comprados de uma só vez (quando o meu pai ganhava uma noite no poker) quando íamos no mercado, então pude assistir todos aqueles clássicos de uma só vez.

Mas para outras pessoas como O ilustrador mineiro Marcelo Oz que tiveram que esperar pela reviravolta das animações com um pouco de testosterona nos desenhos. “Não me sentia representado ao assistir esses filmes, pois não havia paus para que eu me identificasse. Por isso decidi fazer essa série”.

Literalmente, o meu pau de óculos!

Branca de Neve

Princesas da Disney como se fossem meu pau de oculos (3)
“As vezes a Branca de Neve não quer saber de anões”

Mulan

Princesas da Disney como se fossem meu pau de oculos (4)
“Até deu pra me disfarçar de homem no exército sem ninguém perceber”

Cinderela

Princesas da Disney como se fossem meu pau de oculos (5)
“Aqui podemos ver meu pau antes e depois da meia noite”

Pocahontas

Princesas da Disney como se fossem meu pau de oculos (6)
“Pocahontas, você pinta com as cores do vento?”

Bela Adormecida

Princesas da Disney como se fossem meu pau de oculos (2)
“Se Aurora fosse meu pau, Primavera seria o viagra. Sem ela, Aurora dorme”

A Pequena Sereia

Princesas da Disney como se fossem meu pau de oculos (1)
“Eu sempre entendi as ‘pernas’ nesse filme como uma alegoria de ‘pau’”

A cachaça é livre e a Cabeçada é forte!

E eu achando que a internet já havia esquecido o seu fetiche pelas Princesas da Disney