Pálido ponto azul

Entretenimento

Já havia sido entendido por estudiosos e cientistas da antiguidade que a terra era um mero ponto de luz em um vasto cosmo circundante, mas ninguém havia visto ela por nenhuma distancia equivalente.

Lançada em 1977, a sonda espacial Voyager 11 tinha a missão de fotografar todo o caminho por onde percorria. Em em 14 de fevereiro de 1990 a nave enviou uma das imagens mais polêmicas de todos os tempos, mostrando a Terra a 6,4 bilhões de quilômetros de distância, como um “pálido ponto azul” na granulada imagem.

Baseado nessa foto, Carl Sagan (escritor, astrobiólogo, astrônomo, astrofísico, cosmólogo, escritor e divulgador científico) escreveu um texto que acabou se tornando famoso, uma metáfora para nos mostrar o quão pequenos somos diante da magnitude do Universo.

O Zen Pencils ilustrou!

Palido-ponto-azul_01

Palido-ponto-azul_02Palido-ponto-azul_03Palido-ponto-azul_04
“A terra é um palco muito pequeno em uma imensa arena cósmica”

Isso sempre me faz lembrar pela ironica e famosa frase: Você sabe com quem você está falando?

Zen Penciils

Deixe seu comentário